Amigo, sinto-me exatamente como você. Descobri a Escola Austríaca quando, ao trabalhar como professor em 2 faculdades privadas, e tendo meu salário (do serviço público) somado ao das instituições de ensino, passei a pagar valores muito altos de imposto de renda. Cheguei a ter algumas crises de gastrite por conta disso e um belo dia, em 2014, li um artigo desta página e o texto era sobre o roubo dos que produzem para manter os funcionários públicos/obras/projetos/mordomias do nosso grande irmão (e sócio indesejável).
Passei a devorar as leituras daqui. Baixei alguns livros sobre economia, Bitcoin, O Que O Governo Fez Com o Nosso Dinheiro e os li. Passei a ouvir, religiosamente, os podcasts. Li também O Caminho da Servidão, A Mentalidade Anticapitalista... Para conhecer melhor o inimigo eu li O Capital, Manifesto Comunista... Enfim... a cada leitura, sinto-me cada vez mais desconcertado comigo mesmo, porque, há 20 anos atrás, escolhi trabalhar para o estado, afinal, julgava ser o melhor patrão. Não sei até que ponto estou agindo com hipocrisia, mas procuro, sempre que posso (desde fila de supermercado quando alguém dá uma brecha e reclama de imposto ou de preços até aqui no meu local de trabalho) falar, comentar, mostrar a visão verdadeira da forma como vivemos explorados pelo paquidérmico estado brasileiro. Ao menos, posso me orgulhar de dizer que após 'doutrinações' aqui e acolá, pelo menos 3 colegas estão sempre lendo e admiram cada dia mais a teoria da EA.

Outro dia, li um comentário aqui dizendo que há uns 5 anos atrás, este site recebia picos de cerca de 500 acessos simultâneos... Hoje, passam de 25.000!!! Vendo isso, só posso lembrar de duas passagens bíblicas: "Coloqueis o candeeiro sobre o alqueire" e "conhecereis a verdade e ela vos libertará".

Viva Mises!
Epa tão falando em crise nos bancos da Europa....Em texto na relação na foto de perfil divulgo declarações do analista Felipe Miranda da conhecida consultoria do mercado, a EMPIRICUS, afirmando que a crise de 2008 ainda não foi resolvida e estão apenas empurrando ela com a barriga mas ela vai explodir em algum momento e que tentarão resolver a crise ainda não resolvida com uma guerra a caminho EUA X Rússia e China que seria nuclear e global e não resolveria nada e sim detonaria tudo e todos. Até sugerimos em outro texto que o novo papa deveria resgatar o cristianismo primitivo sobretudo e inclusive o do grupo de Maria Madalena e Tomé pois detonaria as 3 ideologias materialistas atuais gerando os males do mundo e inclusive a guerra, as religiosas, as políticas e as econômicas, além das demais áreas das ciências também ainda presas ao velho paradigma materialista newtoniano devido ao cartório dos negócios e privilégios todos ignorando ou ocultando das massas as comprovações da mecânica quântica como explica o Hélio Couto em seus vídeos mas também comprovadas pelos livros do físico quântico Amit Goswami.. Obama bem que tentou regular o cassino financeiro global depois da crise de 2008 mas boicotaram isto e ainda vão pagar elevado preço devido a estarem permitindo esta zona ou baderna ou pirataria deste cassino financeiro global ou bando de salteadores reduzindo a pó as soberanias e as democracias dos povos do planeta inclusive dos EUA. Não live saco para entrar e ler tudo mas deixo a quem queria ler e comentar. Os textos das minhas pesquisas estão numa relação com links na foto de perfil e de capa da minha página no face GARRU JOÃO LUIZ GARRUCINO.
"A "situação econômica da Inglaterra" não mudou pós-Brexit, mudaram as expectativas momentâneas, porque o "Brexit", apesar de aprovado no em referendo ainda não aconteceu."

Lógica sensacional.

Segundo você, o Brexit será péssimo. Ok. No entanto, as expectativas momentâneas melhoraram (e em níveis recordes) porque esse péssimo, embora garantido, "ainda não aconteceu".

Brilhante.

Veja uma lógica idêntica: o Brasil aprova em um referendo adotar o Bolívar, a moeda venezuelana, como moeda nacional. Isso irá acontecer, mas não se sabe quando. Por causa dessa incerteza, as expectativas econômicas disparam, e chegam aos melhores níveis em décadas.

Faz muito sentido, né? As expectativas econômicas disparam a níveis inauditos porque algo de péssimo está para acontecer...

"Para ressaltar o tom falacioso tanto do artigo [...]"

Falacioso é dizer que algo péssimo que está para acontecer faz disparar as expectativas econômicas a níveis não-visto há décadas. Completamente sem sentido.

"O que "os números" dizem é que AS EXPECTATIVAS no momento estão positivas".

As expectativas não estão positivas; elas se tornaram positivas, após anos de negatividade. A diferença entre "estar" e "se tornar" é abissal.

Mas, como diz o próprio texto (o qual você involuntariamente, e hilariamente, confirma), catastrofistas jamais dão o braço a torcer, inventando as mais bizarras desculpas. Essa sua, então, foi a melhor: as expectativas ficaram boas porque algo de ruim foi aprovado e vai acontecer.

"Favor aprender a ler."

No seu caso, nem isso basta. A questão é a ignorância econômica, mesmo.

mais eventos


mais posts